Fraport estima dobrar número de passageiros no Aeroporto de Fortaleza

 

 

“Fraport ist angekomen. Jezt Können wir höher flieggen”. Esta frase, em alemão, significa “A Fraport está chegando. Agora podemos voar mais alto” e deu o tom de parceria da coletiva desta segunda-feira (23), no Palácio da Abolição, em que representantes da empresa alemã, o governador Camilo Santana e o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, apresentaram o plano de gerenciamento do Aeroporto Internacional Pinto Martins. Com o intuito de potencializar o turismo e a economia no Ceará, a meta é dobrar o número de passageiros que utilizam o aeroporto durante o período de concessão da Fraport, de aproximadamente 6 milhões de passageiros por ano, atualmente.

O governador Camilo Santana destacou que a parceria com a Fraport foi fundamental para o Ceará conseguir o hub, permitindo uma maior conexão com o resto do mundo. “Estamos muito felizes por trazer uma das melhores empresas aeroviárias do mundo. Já estamos colhendo bons frutos, com a implantação do Hub da Air France-KLM e Gol. Sem dúvida, é resultado da concessão com a Fraport. É uma soma de esforços e quero dizer que o Estado e Prefeitura estão à disposição para que esse projeto tenha êxito, aumente o número de turistas, gerando oportunidades, gerando empregos, movimentando a economia. Estamos empolgados e otimistas, somos a porta de entrada da América do Sul e queremos mostrar para o mundo as nossas belezas”.

 

A CEO da Fraport Brasil, Andrea Pal, apresentou durante a solenidade um plano de ações para o Aeroporto Pinto Martins, com destaque para a ampliação do terminal e outras melhorias que somam, apenas no primeiro momento, R$ 600 milhões em investimentos. “O objetivo da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) é aumentar a competitividade de todos os aeroportos do país. São 215 milhões de passageiros por ano que passam por nossos aeroportos. Esse know how agora está voltado para o Ceará. Estamos esperando o projeto ser aprovado pela Anac e devemos iniciar em cerca de três meses as obras, incluindo a extensão da pista. A previsão é que o número de passageiros vai dobrar. O terminal terá sete pontes adicionais, com mais vagas para as aeronaves. O plano é construir tudo de uma vez só”.

 

O diretor executivo do Grupo Fraport, Stefan Schulte, reforçou o compromisso para tornar o aeroporto referência na América Latina e no mundo. “Estamos há mais de 80 anos no mercado. Queremos um aeroporto maior e melhor e estamos aqui porque é isso que sabemos fazer. Trouxemos o nosso melhor pessoal, temos bastante experiência e estamos felizes de estar aqui em Fortaleza. Já estamos trabalhando nesse projeto há muito tempo, recebemos muito apoio do Governo do Ceará, da Prefeitura, e garantimos fazer a nossa parte pois vai melhorar a vida dos cearenses”.

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, falou sobre a expectativa positiva de todos os envolvidos nessa parceria. “Boas-vindas a toda a comitiva da Fraport. Eu não poderia deixar de manifestar a nossa animação pelas oportunidades que se abrem. Tive o privilégio de visitar o aeroporto de Frankfurt junto com o governador Camilo Santana. Se trata de uma das maiores e melhores empresas aeroportuárias do mundo e vai trazer a sua excelência para o nosso aeroporto. Temos a oportunidade de escrever uma história diferente para o turismo e a economia do nosso estado. Esperamos que essa parceria seja construída por muitas décadas”.

Concessão

A Fraport conquistou a concessão do Aeroporto Internacional Pinto Martins em leilão realizado em 16 de março deste ano, na sede da Bolsa de Valores de São Paulo. A empresa vai gerir o aeroporto pelo período de 30 anos, mediante lance de R$ 1,5 bilhão – R$ 425 milhões pagos no arremate. Atualmente, os alemães administram 24 terminais distribuídos por Europa, Ásia e América do Sul, entre eles o Aeroporto de Frankfurt, um dos mais movimentados do mundo.

Em abril, um grupo de executivos da empresa foi recebido no Palácio da Abolição pelo governador Camilo Santana e pelo prefeito Roberto Cláudio, ocasião em que foi instituído o grupo de trabalho que atua no apoio à Fraport.

 

Hub da Air France-KLM e Gol

As empresas Air France, KLM e Gol confirmaram no último dia 25 de setembro, em São Paulo, que a capital cearense foi escolhida para sediar o centro de conexões das companhias no Nordeste.

De acordo com o Grupo Air France-KLM, a escolha de Fortaleza se deu pela proximidade com a Europa e pela posição estratégica em relação às capitais do Norte e do Nordeste. O potencial de desenvolvimento da economia, do turismo e do Aeroporto Internacional Pinto Martins também foram apontados como fundamentais para a escolha da cidade.

A partir de maio de 2018, a capital cearense terá, por semana, três voos para Amsterdã, operados pela KLM, e dois voos para Paris, operados pela Joon, nova empresa da Air France. Além disso, a Gol anunciou que reforçará a oferta de voos para quatro capitais do Norte e do Nordeste (Recife, Salvador, Belém e Manaus) e criará uma nova rota entre Fortaleza e Natal.

Thiago Sampaio – Repórter
Carlos Gibaja e José Wagner – Fotos
Ceara.gov.br